Tratamento de Sementes de Forrageiras da Barenbrug: conheça o Yellow Jacket®

O tratamento de sementes de forrageiras da Barenbrug - batizado de Yellow Jacket®  - oferece proteção extra contra condições ambientais adversas as quais geralmente as sementes são expostas. Também facilita as operações de plantio, melhora a implantação e o desenvolvimento inicial da forrageira, seja qual for o sistema de plantio adotado.

 

A tecnologia de tratamento da Barenbrug na cor amarelo-ouro possibilita uma rápida identificação das sementes distribuídas na área devido o contraste com o solo, o que permite realizar um adequado controle e eventual repasse em áreas mal cobertas durante a semeadura.

Componentes da tecnologia Yellow Jacket®

O tratamento de sementes da Barenbrug inclui fungicida, inseticidas, nutrientes e bioestimulantes que proporcionam maior proteção e velocidade de estabelecimento das plantas no campo.

Fungicidas

  • Proteção contra fungos de armazenamento e causadores de doenças.
  • Raízes e plântulas bem desenvolvidas e sadias.

 

Inseticidas

  • Proteção contra o ataque de insetos sugadores e mastigadores.
  • Segurança antes, durante e após a emergência da plântula.

 

Bioestimulante

  • Promove maior crescimento inicial das plantas, folhas mais desenvolvidas e estimula enraizamento.
  • Formação mais rápida da pastagem.

 

Complexo de nutrientes

  • Maior produção, melhor qualidade e ampliação da resistência a pragas e doenças.

Quais os benefícios do tratamento de sementes de forrageiras da Barenbrug - o Yellow Jacket®?

O período inicial é o mais crítico e de maior risco para o estabelecimento das plantas. O tratamento das sementes de forrageiras diminui os riscos de perdas provocadas pelas condições ambientais adversas às quais as sementes estão expostas e protege as plântulas contra o ataque inicial de pragas e doenças. Além disso, também inclui nutrientes e substâncias promotoras do crescimento, que aceleram o desenvolvimento radicular e permite um estabelecimento uniforme.

 

Outro ponto importante é que, quando tratadas e revestidas, as sementes passam a ter um padrão mais uniforme, o que facilita a manipulação, a regulagem e a distribuição das sementes na área durante o plantio. As áreas implantadas com sementes tratadas apresentam maiores índices de estabelecimento, o que pode possibilitar uma antecipação do primeiro pastejo. 

 

Por que escolher o tratamento de sementes da Barenbrug?

Em razão da alta sofisticação dos nossos processos e equipamentos do mais alto nível internacional desenhados exclusivamente para o beneficiamento de sementes de forrageiras, conseguimos disponibilizar um produto com padrão superior, com aspectos de pureza e uniformidade de alta qualidade.

 

Esse padrão das sementes garante a maior eficiência de distribuição tanto em plantios aéreos como o realizado a lanço, o que não é obtido quando se usa sementes desuniformes ou com partículas de diferentes densidades juntas (sementes vazias, torrões, gravetos, palhada etc.).

 

Outro destaque do nosso processo de revestimento está relacionado à excelente aderência à semente, tornando praticamente nulas as perdas por quebramento/desprendimento quando comparado com outros produtos presentes no mercado. Isto se deve à qualidade da matéria-prima empregada e uso de maquinário especialmente desenhado para esse fim, garantindo que o tratamento químico permaneça aderido as sementes, mantendo a proteção contra insetos e microrganismos causadores de doenças. 

 

Resultados

 

Economia de tempo: o uso de sementes tratadas e revestidas proporcionam estabelecimento adequado ao garantir maior proteção e potencializar o desenvolvimento das plântulas, possibilitando uma entrada mais precoce dos animais nas áreas;

 

Economia de recursos: o tratamento aderido às sementes oferece proteção contra o ataque de fungos e pragas de solo, além de melhorar a distribuição das sementes na área, o que contribui para o melhor estabelecimento (número de plantas por área);

 

Produtividade: áreas bem estabelecidas possuem maior potencial produtivo.

Tratamento de Sementes: Estabelecimento e Produção Inicial

A persistência e a produtividade das pastagens dependem da população de plantas estabelecidas após o plantio. A obtenção da população inicial adequada para cada espécie é fundamental para que as forrageiras atinjam o máximo do seu potencial produtivo quando bem manejadas, e a utilização de sementes de elevada qualidade favorece o melhor estabelecimento inicial.

 

O processo de controle de qualidade das sementes de forrageiras da Barenbrug começa ainda no campo de produção, com avaliação prévia da viabilidade e pureza. Os lotes de qualidade que se destacam são selecionados para serem submetidos aos processos de beneficiamento e tratamento exclusivo Barenbrug .

 

A tecnologia de tratamento e revestimento da Barenbrug forma ao redor de cada semente uma zona mais favorável para a germinação e emergência das plântulas. Por ser capaz de proteger as sementes e plântulas do ataque de fungos e microorganismos causadores de doenças, estes benefícios são melhor observados quando ocorrem condições adversas após o plantio, particularmente quando a disponibilidade de água é reduzida. Como o revestimento das sementes é feito com material higroscópico, ocorre uma melhor captura da água disponível no entorno da semente, melhorando sua absorção. 

 

Outro aspecto benéfico é o efeito protetor que o revestimento exerce sobre as sementes quando estas são semeadas em conjunto ou mistura com fertilizante. A barreirafísica entre a semente e o meio externo promove uma proteção da semente por danos que podem ser causados pelo contato com os fertilizantes, o que permite a mistura da semente com esses produtos por períodos curtos de tempo, ou seja, durante a semeadura.

 

Além disso, o revestimento garante a disponibilidade imediata de nutrientes ao redor da semente durante a emergência radicular, o que melhora a nutrição inicial das plântulas, o que resulta em uma implantação mais rápida e uniforme.

A tecnologia de revestimento da Barenbrug acrescenta valor a nossos produtos e aumenta a probabilidade de que cada semente se transforme em uma planta produtiva. Dessa maneira, a Barenbrug busca modernizar o conceito de estabelecimento de pastagens, saindo do modelo tradicional que prioriza a densidade de plantio (kg de sementes/ha) para o modelo que busca estabelecer a quantidade correta de sementes por unidade de área para que se atinja as populações-alvo adequadas de cada espécie (plantas estabelecidas/m2).  

 

Tecnologia Barenbrug no tratamento de sementes é referência mundial

Nosso sistema de tratamento e revestimento têm como objetivo oferecer ao mercado tratamentos exclusivos de sementes, com alta qualidade.

 

Para isso, a empresa concilia a experiência global de mais de 100 anos do Grupo Barenbrug com sementes de forrageiras com as mais recentes tecnologias para produção, beneficiamento e tratamento de sementes disponíveis no mercado.

 

Mais que umrevestimento de sementes, a tecnologia Barenbrug envolve uma série de tratamentos que visam potencializar o investimento feito na genética das forrageiras. 

 

O processo de tratamento e revestimento incorpora uma ampla base de conhecimentos e experiências em tecnologia e fisiologia de sementes, ao avaliar o efeito da adição de cada componente usado nas fórmulas na resposta em desempenho da planta, a Baenbrug  garante que o melhor resultado pretendido pelo produtor, pecuarista ou agricultor, seja alcançado.   

Quais os resultados produtivos com o uso de sementes tratadas e revestidas da Barenbrug?

  • Emergência mais rápida e uniforme, com plantas mais vigorosas.
  • Desenvolvimento radicular inicial mais volumoso e profundo.
  • Densidade de plantas adequadas.
  • Antecipação do primeiro pastejo.

Diferenciais do tratamento de sementes da Barenbrug

  • Somente lotes de melhor qualidade fisiológica (germinação, vigor) e pureza física são selecionados para serem tratadas e revestidas;
  • Formulação e processos exclusivos de tratamento e revestimento: potencializam a qualidade de cada lote de sementes;
  • Processos industriais são desenhados para proteger a semente e potencializar o efeito de cada produto incorporado ao tratamento;
  • A tecnologia de tratamento e revestimento assegura a aplicação exata das doses recomendadas de, fungicidas, inseticidas e outros produtos;
  • Incorpora substâncias promotoras de crescimento das plantas: bioestimulantes, macro e micronutrientes;
  • O tratamento e revestimento são homogêneos e estáveis. Sem desprendimento e rupturas;
  • O tratamento e revestimento de nossas sementes são realizados com a utilização de uma mistura de materiais de alta qualidade, de composição controlada, desenvolvidos especificamente para essa função;
  • Os materiais e componentes utilizados em cada formulação, com suas respectivas doses, são submetidas a estudos de caráter físico-químico e biológico e então selecionados por sua compatibilidade e eficiência;
  • São utilizados polímeros, adesivos e corantes de qualidade superior.

Como a Barenbrug garante alta qualidade no tratamento de sementes?

O nosso sistema garante que o tratamento e o revestimento das sementes não se constituam em uma barreira física para a emergência da radícula ou impeça a absorção de água e gases.

 

  • Ausência de restrições físicas, químicas ou biológicas sobre a germinação da semente.
  • Efetiva liberação, absorção e adequado efeito residual dos produtos ativos incorporados. As doses aplicadas permanecem e cumprem efetivamente sua função.

 

O resultado é um revestimento uniforme, de alta qualidade física, que se desintegra progressivamente no solo sob condições adequadas de ambiente. 

 

Como funciona o controle de qualidade do tratamento de sementes da Barenbrug?

O controle de qualidade adotado pela Barenbrug do Brasil se destaca por ser capaz de avaliar a qualidade das sementes em todas as etapas de produção, da colheita ao armazenamento, pois conta com um laboratório próprio (LASBAR) credenciado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), onde avalia-se a qualidade de todos os lotes de semente. Por meio de uma série de análises, amostra representativas dos lotes são coletadas em diferentes pontos do processo de produção, desde o campo, passando por toda a linha de beneficiamento, revestimento e embalagem das sementes. Essas análises visam assegurar que os lotes de sementes produzidos pela Barenbrug atendam aos mais altos padrões para a comercialização de sementes no Brasil e em países onde possui atuação; e que acima de tudo atendam a expectativa dos clientes, que buscam uma produção forrageira eficaz e de qualidade, cujo estabelecimento é assegurado por uma emergência de plântulas rápida e uniforme.

Quais são os processos industriais no tratamento de sementes?

As etapas do processo de revestimento incluem transporte de sementes, aplicação sequencial dos componentes, secagem, arrefecimento e ensacamento.

 

Todas as etapas são completamente automatizadas e se realizam numa sequência contínua. 

 

Os tratamentos são realizados por maquinário especializado, permitindo uma ótima cobertura com eficiente distribuição dos tratamentos, o que confere melhor distribuição e eficiência do tratamento aplicado à semente.

 

A unidade de tratamento ajusta as quantidades de sementes a serem tratadas conforme a formulação específica e aplica as doses de forma correta, no momento, intensidade e sequência requeridos em cada etapa. 

Formulação para o tratamento de sementes

A formulação é o resultado do ajuste entre combinação, concentração e localização dos componentes químicos que serão incorporados à semente em cada tratamento. A adequada combinação dos distintos componentes faz produzir um efeito sinérgico que supera aos efeitos da aplicação de cada componente separadamente.

 

Componentes do tratamento de sementes

Materiais inertes e de cobertura

 

Carbonatos de cálcio e magnésio:
Permitem uniformizar o peso, volume e calibre das sementes revestidas, fornecem nutrientes, atraem água para a semente e atuam como lubrificantes sólidos recobrindo a semente e facilitando o plantio.

 

Polímeros:

Podem ser naturais ou sintéticos. Compõem a matriz na qual os demais produtos são incorporados. Controlam a solubilidade das distintas camadas do revestimento e regulam a liberação dos produtos aplicados à semente. Os polímeros usados na incrustação são também aqueles disponíveis para o recobrimento de produtos farmacêuticos ou alimentícios, sendo inócuos para a semente.

 

Solventes, tensoativos, adesivos, espessantes e excipientes:

São combinados junto com os materiais inertes e os polímeros para aderirem às sementes, dando forma ao revestimento e agregando as características requeridas à cada camada.

 

Pigmentos: 

São utilizados corantes solúveis em água e polímeros desenvolvidos especialmente para o tratamento e revestimento.

 

Nutrientes:

São acrescentados macro e micronutrientes que são rapidamente disponibilizados para as plântulas, favorecendo a emergência e o crescimento inicial das plântulas.

 

Defensivos:

Os tratamentos incluídos no revestimento de sementes da Barenbrug incluem defensivos que protegem a semente e as plântulas contra agentes biológicos adversos, como pragas de solo e doenças fúngicas, durante a germinação e o estabelecimento.

voltar